Escolhas, Baleia Azul e os 13 porquês

Consciência da escolha

Será que estamos realmente preparando nossas crianças para viverem nesse mundão que se apresenta? Normalmente, com toda nossa boa intenção, corrigimos nossos filhos com castigos, broncas, punições, gritos, tapas e essa postura faz com que, além das crianças não aprenderem com suas atitudes, sua atenção permanece no adulto que a colocou em tal castigo.

Ocorre uma desconexão de sua ação e da consequência, pois nos adultos não a apresentamos assim para nossos filhos. Normalmente, ao castiga-los, estamos repletos de irritação, vontade de vencê-los e, ao vencê-los, apenas suscitamos neles o mesmo objetivo: o de nos vencer.

Frente à vida e à premissa de que cada um é responsável por suas escolhas e viverá na pele suas consequências quando punimos as crianças, distanciamos as crianças desta tão importante percepção, ao passo que, ao oferecer à criança a consequência de uma atitude, quando está é vivenciada, sem carga e descarga de raiva, o aprendizado na experiência vivida pode acontecer.

Com isso, a consciência da escolha pode ser exercitada desde criança para que, na adolescência, a vida adulta esse indivíduo seja capaz de boas escolhas, seja livre para viver responsavelmente por si, consciente de que sua vida é resultado direto de seu agora!

 

Posts relacionados

Deixe um comentário

Your email address will not be published.