Bate-papo ao vivo: Gêmeos na escola

shutterstock_214114069Quando a família tem filhos gêmeos na escola, algumas dúvidas podem aparecer. É muito importante perceber que, mesmo univitelinos, as crianças são únicas, portanto, não precisamos demarcar as diferenças com tamanho afinco. Podemos perceber e exercer essa individualidade naturalmente porque, quando puxamos demais para demonstrar as diferenças ou forçamos demais para que tudo seja igual, em ambos os casos estamos prejudicando esse processo de individualidade.

Na igualdade, dificultamos a percepção que a criança tem dela mesma porque ela vê o igual a ela no outro. Quando exacerbamos as diferenças, podemos com isso criar uma distância entre as crianças que pode até gerar uma competição por atenção ou mesmo uma dificuldade por afinidade para brincar, por exemplo.

O melhor é buscar o equilíbrio natural. Cada filho é único, mesmo sendo gêmeo.

Cada um é um e, por isso, já são diferentes. Respeitar e olhar para a criança como única no caso de crianças gemeras fará a total diferença nesse processo, já que não será necessário forçar a barra nem para um lado, nem para o outro. Com relação à escola e essa percepção de si mesmo se desenvolvendo, pode até acontecer das crianças pequenas começarem na mesma sala, mas o ideal é que fiquem em salas separadas para que exercitem essa individualidade livremente e busquem novas conexões sem o apoio tão conhecido do irmão por perto.

Esse é um processo lindo que pode se dar de maneira leve e bem natural, acompanhando o crescimento com muita alegria. A ligação entre irmãos é para toda vida e, quando nosso olhar vem a facilitar esse processo, tudo tende a ser mais tranquilo e muito feliz.

Com carinho

Dani

Posts relacionados

Deixe um comentário

Your email address will not be published.